Domingo, 17 de Junho de 2007

Repositorium

 Nas poucas escolas que leccionei, tive a oportunidade de verificar os óptimos trabalhos que estas fizeram e também de poder guardar alguns deles.

Mas infelizmente, esses trabalhos têm vindo a perder-se ao longo dos anos, devido às “desgraças” que têm acontecido com o meu computador (vírus, esquecimento dos Backups, novas instalações…).


Uma boa forma de evitar que estes bons trabalhos se percam, seria a criação de um Repositorium, onde cada escola colocaria todos os seus trabalhos, dando assim a possibilidade de serem consultados por quem frequenta a escola, mas também por todos os professores a nível nacional ou até internacional.


As boas práticas lectivas não devem ficar limitadas a quem as pratica, devem ser divulgadas e partilhadas, para que os bons exemplos sejam postos em prática por outros professores, noutras escolas e noutros países.

publicado por decastro às 21:24

link do post | comentar | favorito

Questionários Interactivos

 As TIC e a Internet, em particular, fornecem uma variedade de recursos interactivos que podem ser explorados por professores e alunos, quer seja num contexto de sala de aula quer seja fora dela.


Professores com poucos conhecimentos a nível informático podem construir, sem gastar muito tempo, recursos multimédia, como por exemplo os questionários interactivos. Já não chega dizer: “não faço porque não tenho conhecimentos suficientes para isso”, há necessidade de encontrar outra desculpa para não o fazer, uma vez que existem softwares livres (freeware) que permitem a qualquer professor sem conhecimentos em programação, criar questionários interactivos sem grandes esforços.

O HotPotatoes  e o QuizFaber  são dois bons exemplos de programas para criação questionários interactivos. Para quem os experimentar, verificará que são muito semelhantes embora possuam algumas diferenças.


Estes programas guardam os questionários em formato HTML, o que permite a sua publicação na Internet ( no site da escola, nas páginas pessoais e blogues dos professores,…) e consequentemente a possibilidade de todos os alunos terem acesso a esses questionários em qualquer ponto de acesso à Net. Podem perguntar: e se os alunos não tiverem Internet? Embora não pareça, também é fácil resolver esse problema. As páginas HTML criadas pelos programas podem ser guardadas num DVD, CD-Rom ou Pen drive e ser utilizadas em qualquer computador que possua em Browser (Internet Explorer ou outros).


Uma boa oportunidade de utilização destes programas é a criação de uma base de dados, agrupando os questionários por anos de escolaridade, por disciplina e por uma determinada temática, em que um conjunto de professores pode trabalhar de uma forma colaborativa.


Se me perguntarem qual dos dois programas é o melhor, direi que os dois se complementam, embora considere que o QuizFaber é mais fácil de utilizar. Mas tudo depende de quem os utiliza e da forma como se dedica à sua exploração.

 

Alguns exemplos:

HotPotatoes: exemplo 1; exemplo 2

QuizFaber: exemplo1; exemplo2; exemplo3

publicado por decastro às 21:07

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Visita virtual ao Oceanário

 No dia que os meus alunos foram informados da visita tiveram duas reacções distintas. Num primeiro momento uma explosão de alegria para se seguir um segundo momento de tristeza e desilusão. Alegria por pensaram que finalmente iriam fazer a primeira visita de estudo deste ano lectivo e tristeza e desilusão quando se deram conta que a visita de estudo não implicava a saída da escola.


Antes de fazer a visita, explorei o site do oceanário para me certificar do que consistia, quais as informações que disponibilizava e que possíveis dificuldades poderiam surgir aos alunos. Seguindo-se a elaboração de um guião de exploração da visita, que continha indicações de navegação e questões que os alunos tinham de responder e registar à medida que iam fazendo a visita.


Durante a exploração da visita, pude verificar que os alunos estavam bastante interessados e entusiasmados.


Após a visita pedi aos alunos que fizessem uma pequena reflexão sobre o que acharam da visita virtual.

Praticamente todos os alunos referiram que gostaram da visita, mas que preferiam uma “visita normal”, a excepção foram dois alunos que dizem não ter gostado por estar muito barulho na sala.

Penso que esta preferência está relacionada com o facto de as visitas de estudo implicarem a saída da escola e de proporcionar um dia completamente diferente do dia de aulas normal.


Apesar de esta visita virtual ao oceanário ter como objectivo conhecer a reacção dos alunos a este tipo de visitas, ela é um excelente recurso pedagógico para ser utilizada com alunos de 5º ano nas aulas de ciências, quando se aborda o tema da diversidade dos seres vivos, uma vez que fornece muita informação sobre diferentes aspectos relacionados com os animais e plantas desde o que comem, como é o seu corpo, aspectos relacionados com o seu habitat, etc...

publicado por decastro às 15:48

link do post | comentar | favorito

mais sobre mim

Questionário

pesquisar

 

Junho 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30

posts recentes

A 1ª webquest

Repositorium

Questionários Interactivo...

Visita virtual ao Oceanár...

Visitas Virtuais

A Webquest como investiga...

Os blogues como Recurso P...

Os blogues como Estratégi...

Blogues escolares.

Blogosfera, Blogosfera ed...

arquivos

Junho 2007

Abril 2007

Março 2007

tags

todas as tags

links

Visitas

casino on line
Europa Casino
blogs SAPO

subscrever feeds